Pastor Marco : Ele voltou, fiquei, e agora?

quarta-feira, 29 de julho de 2015

Ele voltou, fiquei, e agora?


Acordei mais cedo hoje como de costume, e como eu tinha uma reunião na parte da tarde com o pastor, adiantei minhas tarefas de zelador em nossa
igreja. Tudo estava normal, como de costume, cheguei bem cedo na igreja, corri ao almoxarifado e peguei o que era necessário para dar início a faxina.

Fiz minhas tarefas e obrigações como fazia há 30 anos naquela igreja. Acabei um pouco mais cedo ao ponto que daria até para almoçar com minha esposa em casa, antes de voltar à igreja para tal reunião com o nosso pastor.

Mas o que eu não imaginava, nem passava por minha cabeça aconteceu. Esse seria o pior almoço de toda minha vida. Chegando em casa percebi um silêncio mortal, meu coração quase pulava de tanta ansiedade e pelo mal pressentimento que invadia meu ser naquele momento. Mateus 24:40-42

Passei pela sala e olhei com medo para o nosso quarto que dava pra sala, tudo estava normal, cama arrumada como sempre, tudo em seu devido lugar, mas porém minha esposa não estava no quarto. Fui caminhando devagar até chegar na cozinha, já pressentindo algo de ruim que teria acontecido com minha esposa, olhei pra onde fica o fogão, se quer tinha panelas em cima dele. 

Minha esposa também não estava lá, só confirmando minha suspeita, pois ao entrar em casa não senti cheio de sua comida que, pelo horário, deveria estar quase pronta para ser servida.

A coisa era mais séria do que eu imaginava. Olhei para o quintal também minha esposa não estava por lá; só faltava um lugar que eu não havia ido que era o banheiro. Quem sabe, pensei; pra minha surpresa nem sinal de Sofia... Mas, um pequeno detalhe chamou a minha atenção. 

Era a Bíblia de Sofia aberta sobre a mesa, me aproximei e tinha algumas anotações em uma folha ao lado. Ela estava fazendo um esboço de Mateus 24 para, quem sabe, palestrar como de costume na reunião de senhoras.

O que aconteceu? Pra onde foi essa mulher? Porque ela teria me abandonado sem deixar nenhum vestígio, nem aviso? Pálido e gelado segurei em meu peito a Bíblia rabiscada de minha querida Sofia e entrei em pânico. 

Ouvi gritos pelas ruas, minha vizinha pedia socorro, por perceber o sumiço de sua filhinha que acabara de amamentar e colocar no berço... Mateus 24:21

Eu queria que tudo aquilo que eu estava passando fosse apenas um sonho, mas não era. Tudo era real. Então olhei pro céu e exclamei: “Fui deixado pra trás”.
Fiquei e agora o que será de minha vida?

Comecei a esbravejar com Deus: Porque o Senhor também não me levou? Servi por 30 anos, limpando sua casa com toda dedicação e o Senhor me deixou???? Agora não tem mais jeito é enfrentar os piores dias que estão por vir...

Este relato acima será um dos milhares que acontecerão em um futuro bem próximo. 

O que foi profetizado, pregado por séculos, décadas, aconteceu... JESUS RETORNOU, muitos que estavam desapercebidos ficaram...

Meus queridos irmãos, quantas pessoas estão vivendo uma vida de aparência dentro de suas igrejas? Quantas pessoas, assim como o Zelador José Luiz de nossa história, estão há 30 anos até trabalhando na instituição, mas estão distantes do Senhor? 

Quantas pessoas ficarão por não terem tido um verdadeiro encontro com Deus, ou não ter levado a sério suas vidas espirituais? Quantas pessoas que neste exato momento sabem e têm consciência que são impuras por práticas pecaminosas e nunca confessaram seus pecados e vivem como se Cristo nunca fosse voltar?

Tempo de igreja, batismo, dizimo não garante sua ida ao encontro do Noivo se sua motivação for apenas por religiosidade. Como será triste, esse momento, pais chorarão amargamente por verem seus filhos serem arrebatados. 

Filhos e filhas se desesperarão por não terem subido ao encontro do Senhor nas nuvens. Esposos ficarão em desespero, por nunca dar crédito as suas mulheres, enquanto pregavam pra eles.

Estamos vivendo como os dias de Noé, casam-se e se dão em casamentos, tudo está normal, ninguém mais ouve falar que Cristo está retornando. Sermões espalhados pelos quatro cantos do mundo já não alertam os crentes para o arrependimento, para uma vida de santificação. JESUS já não tem o mesmo espaço que deveria ter em algumas igrejas. Mateus 24:37-39

Eu quero alertá-los para o seguinte acontecimento: Os anjos estão prontos com suas trombetas próximos de suas bocas e olham atentamente para ETERNO aguardando apenas a ordem para tocá-las. 

Ao tocar tais trombetas a NOIVA será raptada desse Mundo e estará para sempre com JESUS. Mateus 24:31, I Tessalonicenses 4:16, I Tessalonicenses 4:17, Daniel 12:1-3

Ele está voltando! Como está sua vida, meu amado irmão? Estás pronto? Maranata ou Misericórdia? Mateus 24:44

Se fosse agora, estarias em pé diante de DEUS? Não posso te julgar, essa reflexão é pessoal e intransferível. Só você sabe como anda sua vida espiritual. Por enquanto, JESUS não voltou, renove sua fé. A porta da GRAÇA ainda aberta está.... I Tessalonicenses 5:23, I Tessalonicenses 4:13-18

Deus te abençoe ricamente

Pb Josiel Dias

Observação sobre reflexão

Semelhança com nomes ou função da história contada acima, é mera coincidência.
Personagens principais: José Luiz [Zelador] Tempo de crente 30 anos.
Irmã Sofia esposa crente e fiel que foi arrebatada. Tempo de crente 06 anos.
Acontecimento destacado: José Luiz foi deixado para trás, por não viver verdadeiramente o evangelho. Objetivo desta História/Reflexão: Advertência para todos nós seguidores de Cristo. Este texto poderá ser reproduzido/Copiado sem previa autorização do autor. A Deus seja a Glória, o Poder para todo sempre Amém...

Sem comentários:

Enviar um comentário